Analisando/traduzindo a música ‘Bairro Novo – Casa Caiada’, de Eddie.

Ainda há fogo em mim Pode vir quente que eu estou fervendo

queria sempre assim… Forever fogosa

dia de luz, festa do azul celestial, Chuva KD

casa caiada, água salgada, Mar? Não. Esgoto.

imaginando a vida toda submarina, Mutantes, Caminhos do Coração

deitada na estampa colorida da toalha, Tô aqui peganumbronz

de todas as cores, secando ao sol. Tô aqui torranu

 

Todas as cidades já estão em chamas 193

consumidas por um desejo voraz Selvagem ao Extremo, com Richard Rasmussem

quem sabe ainda sobre alguma chance Tomara que não

a tarde, o vento e o mar. Refrescante é ser você.

 

Ainda há fogo em mim Pode vir quente que eu estou fervendo

queria sempre assim… Forever fogosa

sombras frondosas nas calçadas, Gambiarras fazem ótimas sombras por aqui

bairro novo, seus dias quentes e úmidos, E alagados

suor pingando do rosto e logo ali, O pedreiro

deitado a vontade nas gramas dos seus jardins, Jardins Suspensos da Babilônia, né?

de todas as flores filhas do sol. OH!Linda Floricultura Artesanal

 

Todas as cidades já estão em chamas 193

consumidas por um desejo voraz Selvagem ao Extremo, com Richard Rasmussem

quem sabe ainda sobre alguma chance Tomara que não

e folhas pairando no ar… Rua suja, ok.

ainda a fogo em mim… Forever [and ever] fogosa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: